Lipoaspiração

A prática regular de exercícios físicos e um estilo de vida adequados são essenciais para a saúde e a qualidade de vida. A Lipoaspiração é indicada para remover os acúmulos gordurosos que são difíceis de se apagarem só com a vida saudável e não deve ser encarada como método de emagrecimento. A Lipoaspiração é uma técnica de sucção que retira o excesso de gordura de uma parte do corpo.

A indicação ainda é feita para pacientes que estejam em bom quadro de saúde que tenham a gordura acumulada em certas regiões sem flacidez de pele e não estejam muito acima do peso. Importante ressaltar e diagnosticar as expectativas reais de resultado.

Exames pré-operatórios serão colhidos conforme a indicação de cada um, o hospital será escolhido, e o tipo de anestesia também. Habitualmente preferimos anestesia de porte geral por conforto, por qualidade, e por minimização de complicações no ato anestésico.

Na Lipoaspiração, existem alguns quadros de complicações assim como pode haver em qualquer procedimento cirúrgico. Alguns deles e os mais comuns são hematomas, irregularidade na pele assim como flacidez, dependendo a situação de pele anteriormente apresentado pelo paciente. Existem ainda quadros um pouco mais graves como necrose de pele, principalmente por deficiência da circulação sanguínea naquele local e a sua maior causa, sem dúvida nenhuma, é o tabagismo.

Existem quadros ainda de embolia pulmonar gordurosa e trombo embolia que são mais raros e mais graves. A perfuração de vísceras é um quadro ainda mais raro, mas é um fator descritivo de complicação numa Lipoaspiração e deve ser mencionado.

O Pós-operatório varia muito de indivíduo para indivíduo. Costumamos dizer que a Lipoaspiração tem um pós-operatório muito benigno, apesar de alguma dor e um certo desconforto. Este procedimento talvez seja o mais doloroso na cirurgia plástica. Para isso usamos métodos de analgesia e tentativa de conforto para esta dor. A dor é subjetiva e varia de indivíduo pra indivíduo. O inchaço, que traz grande parte do desconforto, é eliminado a partir da sessões de drenagem linfática, que devem se iniciar do terceiro ao quinto dia pós-operatório sempre após avaliação médica.

As recomendações propostas no pós-operatório de uma Lipoaspiração são o uso da cinta compressiva (malha compressiva) pós-cirúrgica, por tempo a ser determinado pelo médico; realização regular e intensiva de drenagem linfática e hidratação adequada, além de mobilização assim que possível; repouso de pelo menos 3 dias e alimentação equilibrada. Geralmente, o resultado final de uma Lipoaspiração é percebido após 3 meses, e varia de acordo com o paciente e os cuidados que ele tomar no período pós-operatório

 

Todos os procedimentos